facebook pixel code

Fique de olho nos sintomas de doenças pulmonares!

Você já ouviu falar sobre o vírus sincicial respiratório (VSR)?

10

JAN

Trata-se de um dos principais agentes responsáveis por infecção aguda nas vias respiratórias. O problema pode afetar os brônquios e os pulmões.

Em geral, o VSR é responsável pelo surgimento da bronquiolite aguda (inflamação dos bronquíolos, ramificações cada vez mais finas dos brônquios que penetram nos alvéolos pulmonares) e de pneumonia (especialmente no primeiro ano de bebês que nasceram de forma prematura). 

Tal infecção é altamente contagiosa e há evidências de que - até os três anos de idade - todas as crianças já entraram em contato com o VSR, porém sem desenvolver a forma grave da doença

A transmissão acontece por intermédio das mucosas da boca, do nariz ou dos olhos e o vírus pode permanecer no organismo por semanas. O período de transmissão começa dois dias antes de aparecerem os sintomas e só termina quando a infecção está completamente controlada.

Conforme a doença avança, vai apresentando sinais como febre alta, muita tosse, dificuldade para respirar, adejo nasal (batimentos acelerados das asas do nariz provocado por obstrução das vias aéreas), cianose labial e nas extremidades (lábios e unhas arroxeados), pieira (sibilo ou chiado no peito provocado pelo estreitamento dos brônquios inflamados), tiragem intercostal (retração e afundamento dos espaços entre as costelas durante a inspiração), falta de apetite e letargia.

Vale prestar especial atenção a tais sintomas!

Ao menor sinal de um deles, ou vários deles combinados, a recomendação é uma só: procure um médico urgente!
 
[Fonte: www.drauziovarella.com.br]