facebook pixel code

Estudos já revelaram: abandono dos esportes competitivos por parte de crianças e jovens está intimamente ligado a fatores como estresse, falta de tempo e os estudos

Você é da área da Educação Física?

Estudos já revelaram: abandono dos esportes competitivos por parte de crianças e jovens está intimamente ligado a fatores como estresse, falta de tempo e os estudos

15

MAI

Pretende construir carreira como treinador (a) de jovens atletas?

Belo caminho o que você escolheu! O de preparar os futuros defensores – quem sabe – das cores do Brasil mundo afora.

Mas já saiba, de antemão, que nesta caminhada de habilitar praticantes de esporte de alto rendimento você enfrentará um obstáculo cada vez mais presente no cotidiano de treinadores: muitos jovens têm sido levados a abandonar o esporte competitivo.

Os motivos são os mais diversos e o estudo / conhecimento deles é providência mais do que necessária para evitar que tal problema cresça ainda mais. 

Você pode começar seus estudos debruçando-se sobre os resultados de pesquisas já realizadas por especialistas da sua área. 

Por exemplo, já se sabe que o abandono da prática esportiva entre jovens é recorrente por conta de uma maior instabilidade física, psicológica e social.

Logo, o modo como o esporte está integrado na vida deles (bem como a dinâmica das relações construídas entre eles, seus treinadores e pais) é crucial para evitar o abandono.

Deixamos aqui alguns tópicos (também já elencados, em diversos estudos, como principais motivos para o abandono do esporte por parte dos jovens) para você estudar, se aprofundar e, assim, ter um ponto de partida para trabalhar na retenção daqueles que podem ser o futuro do país no que tange – como já mencionamos acima – à representação esportiva nacional.

Você pode começar avaliando: os conflitos de interesses, a falta de tempo, os estudos, a falta de sucesso e de habilidades, o estresse competitivo, a falta de diversão, os treinamentos monótonos, problemas com o treinador, a pequena participação nas competições e as lesões.

Estudando cada um desses potenciais motivadores do abandono esportivo, você já terá condições de oferecer um melhor suporte e a motivação necessária para aqueles que pretende transformar em estrelas do esporte verde e amarelo.

Boa sorte!

[Fonte: Portal da Educação Física]