facebook pixel code

Enfermagem em Dermatologia

Pós-Graduação Carga Horária: 390 h Modalidade: Presencial

Área de Conhecimento: Enfermagem

Apresentação:
Pós-Graduação LATO SENSU
Aulas mensais.
O índice de mortalidade de indivíduos portadores de lesões cutâneo-mucosas, e suas consequências para a sociedade em geral determina abordagem na prevenção de lesões decorrentes das doenças crônicas não transmissíveis, das doenças infecciosas dos traumas e iatrogenias assistenciais. A segurança do indivíduo internado nas instituições de saúde, bem como dos atendidos nas unidades primária e secundária tem sido discutida como prioridade na assistência. Nesse contexto, visa-se especializar o enfermeiro para atuar nos três níveis de assistência para contribuir com ações baseadas em evidencias científicas, minimizando o impacto do adoecimento populacional, atentando para o constate progresso tecnológico na área de tratamento e prevenção.

Objetivo:
Especializar enfermeiros para atuação em prevenção e tratamento de feridas cutâneo-mucosas, manejo de pessoas com estomias, nos três níveis de atenção em saúde, desenvolvendo habilidades e competências na prestação de assistência de enfermagem privativas do enfermeiros.

Disciplinas:

HABILIDADES GERENCIAIS DO ENFERMEIRO INSERIDAS NAS POLÍTICAS DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE NO CONTEXTO DA ATENÇÃO AO PORTADOR DE LESÕES E ESTOMAS. BIOÉTICA - 20 HS
Ementa:
  • Possibilitar a compreensão e análise crítica dos critérios que constituem unidades de tratamento de lesões, adequando as unidades ao porte, clientela e equipe. Auditoria da assistência de enfermagem. Discutir os aspectos da politica do SUS nas atenções primária, secundária, terciária e reabilitação do indivíduo com lesões dérmicas e estomias, possibilitando a inserção do enfermeiro especialista nesse contexto. Comissão de Pele: prós e contras, Registros de avaliação e acompanhamento de lesões.

SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM - 20 HS
Ementa:
  • Analisar implantação do processo de enfermagem, os diagnósticos de enfermagem. Promover atualização de exame físico. Discutir os protocolos e a adoção dos impressos para normatização e aplicação da sistematização da assistência em enfermagem. Escalas preditivas. Diagnósticos de enfermagem e a classificação NANDA, NIC e NOC.

METODOLOGIA DA PESQUISA - 20 HS
Ementa:
  • A pesquisa como aliada no desenvolvimento das evidências científicas para subsidiar a assistência de enfermagem. Métodos e técnicas de pesquisa. Modelos de projeto de pesquisa. Legislação e Ética em pesquisa. 

EMBRIOLOGIA E SEMIOLOGIA, ANATOMIA E FISIOLOGIA DA PELE. MICROBIOLOGIA DA PELE. IMUNOLOGIA; DOENÇAS AUTOIMUNES - 20 HS
Ementa:
  • Discutir os aspectos anatômicos e fisiológicos, imunológicos, doenças autoimunes com abordagem da semiologia e microbiologia da pele, fundamentando as discussões de integridade e lesão cutânea.

FARMACOLOGIA - 20 HS
Ementa:
  • Abordar e discutir as medicações e as vias de administração que agridem a mucosa e tecido cutâneo. Medicamentos e suas apresentações mais utilizadas em tratamento de lesões cutâneo-mucosas.

ABORDAGEM NUTRICIONAL: FATORES PREDITIVOS NA PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE LESÕES. BIOÉTICA E BIOSSEGURANÇA. - 20 HS
Ementa:
  • Discutir a relevância dos Aspectos nutricionais e as intervenções possíveis no processo cicatricial. Evidencias na assistência ao indivíduo portador de lesões/ estomas. Abordar os aspectos da ética e segurança profissional. Autonomia do Enfermeiro na prática da assistência dermatológica.

SAE EM LESÕES TRAUMÁTICAS - 20 HS
Ementa:
  • Assistência ao portador de lesões causadas por traumas, mordeduras de cães, animais peçonhentos, seja em urgência, emergência e tardio.

QUEIMADURAS - 20 HS
Ementa:
  • Discutir nexo causal com diversos eventos de queimaduras; estudar os protocolos interdisciplinares na assistência de emergência, urgência, internação e ambulatorial dos clientes acometidos por queimaduras.

SEGURANÇA DO PACIENTE NA MANUTENÇÃO DA INTEGRIDADE CUTÂNEA-MUCOSA. BIOSSEGURANÇA PROFISSIONAL. - 20 HS
Ementa:
  • Abordagem dos 10 Passos da segurança do Paciente. Práticas para manutenção da integridade de lesões cutâneas e mucosas. Cirurgia segura.

ÚLCERAS VASCULOGÊNICAS - 20 HS
Ementa:
  • Analisar os diversos aspectos preventivos, causas intrínsecas e extrínsecas das UV e UD; discutir os diversos protocolos para prevenção, incluindo as escalas de avaliação da prevenção, cicatrização e involução. Refletir sobre os exames diagnósticos, interação enfermeiro x cliente x lesão. Critérios de escolha de tratamento.

ÚLCERAS DIABÉTICAS - 20 HS
Ementa:
  • A diabetes como pré disposição a lesões de membros inferiores.Refletir sobre os exames diagnósticos, interação enfermeiro x cliente x lesão. Critérios de escolha de tratamento.

LESÕES NEOPLÁSICAS - 20 HS
Ementa:
  • Discutir a assistência em portadores de lesões tratáveis, mas não curáveis. Abordar os aspectos psicológicos e emocionais do cliente e da equipe que cuida. Estudar  os protocolos  definidos  para os tratamentos de lesões oncológicas. Discutir a abordagem do cliente fora de possibilidade de cura.

LESÕES DECORRENTES DE DOENÇAS INFECCIOSAS. - 20 HS
Ementa:
  • Estudar as lesões decorrentes de doenças infecciosas e o tratamento clínico das mesmas no contexto dermatológico. 

ESTOMIAS E INCONTINÊNCIAS PARTE II - 20 HS
Ementa:
  • Atendimento aos clientes em pré operatório da instalação de estomas. Marcação de estomias pré operatórias. Cuidados com estomas em centro cirúrgico. Cuidados de enfermagem ao portador de estomas e prevenção de complicações.

ESTOMIAS E INCONTINÊNCIA PARTE III - 20 HS
Ementa:
  • Educação em saúde ao portador de estomas e sua família. Inserção social do estomizado. Direitos do estomizado.

LESÕES PEDIÁTRICAS PREVALENTES: PREVENÇÃO E TRATAMENTO - 20 HS
Ementa:
  • Discutir as estratégias de manutenção da integridade cutâneo mucosa do RN e crianças em domicilio e hospitalizadas. Estudar a assistência interdisciplinar para as Lesões prevalentes na infância.

TECNOLOGIA NO TRATAMENTO DE FERIDAS. WORK SHOP: TECNOLOGIA PARA PREVENÇÃO E  TRATAMENTO DE LESÕES.  - 20 HS
Ementa:
  • Discutir as técnicas de desbridamento. Treinar desbridamento mecânico em prática de laboo de feridas desbridamento e coberturas. Oportunizar o contato dos profissionais com as empresas que atualizam a tecnologia de coberturas e dispositivos para estomas.

TRATAMENTOS COADJUVANTES - 20 HS
Ementa:
  • Discutir a aplicabilidade de Hiperbárica, Ozonioterapia, Hidroterapia e laserterapia.

TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO - 10 HS
Ementa:
  • Apresentação dos artigos produzidos como parte da avaliação do curso. 

PRÁTICA - 20 HS
Ementa:
  • Pratica em hospitais e ambulatórios.

Pré-requisitos:
Nível Superior Completo

Público Alvo:
Enfermeiros Graduados portadores de COREN

COORDENADOR

SHIRLEY RANGEL GOMES

SHIRLEY RANGEL GOMES

Mestre em Enfermagem (2008), Universidade Federal Fluminense (UFF). MBA em Gestão Estratégica de Hospitais (2005), Fundação Getúlio Vargas (FGV). Pós graduanda em Enfermagem do Trabalho, Faculdade Redentor Itaperuna (2012).Graduada em Enfermagem e Obstetrícia (1989) pela Universidade Federal Fluminense. Professora titular da Fundação de Apoio às Escolas Técnicas (FAETEC) desde 2002. Coordenadora do curso Bacharel em Enfermagem da Faculdade Redentor, Campos dos Goytacazes. Coordenadora dos Cursos de Pós Graduação em UTI adulto, pediátrica e neonatal; Enfermagem do Trabalho; Enfermagem Dermatológica e Enfermagem em Urgência e Emergência, Faculdade Redentor, Campos. Professora convidada dos cursos de pós graduação de Engenharia de Segurança do trabalho, Medicina do Trabalho Saúde Coletiva, Urgência e emergência. Atua como Enfermeira Concursada no Hospital Geral de Guarus desde 2002, atualmente como Coordenadora da Comissão de Pele e Serviço de Educação Permanente. Tem experiência na área de Enfermagem, com ênfase em Pediatria e neonatologia (UTI e Emergência); Enfermagem Dermatológica, Reabilitação, Gerência, Auditoria, Infecção Hospitalar e Educação Permanente. Na área de saúde com Saúde Coletiva, Epidemiologia, Políticas Públicas de Saúde.

PROFESSOR