facebook pixel code

Fisioterapia em UTI Neonatal e Pediátrica

Pós-Graduação Carga Horária: 490 h Modalidade: EAD

Área de Conhecimento: Fisioterapia

Assista a vídeo aula demonstrativa

Assista a vídeo aula demonstrativa

Fisioterapia em UTI Neonatal e Pediátrica


Apresentação:

O tratamento prestado às pessoas nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) deve ser específico e atualizado com o intuito de resgatar as condições ideais de saúde da criança internada e portadoras de enfermidades críticas. A qualidade de assistência prestada pela equipe da UTI vai fazer a diferença no resultado final, na diminuição de complicações e também na alta da UTI. Isto tudo está diretamente relacionada com os avanços da ciência em máquinas, medicações e, principalmente, da qualificação dos profissionais que integram a equipe da UTI como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, nutricionistas e fonoaudiólogos. A portaria GM/MS/Nº 3432, de 09 de junho de 1998 e a Portaria GM/MS/Nº 930, de 10 de maio de 2012, estabelecem, dentre várias normas para uma UTI existir, a existência de um profissional de Fisioterapia na UTI para cada 10 leitos de pacientes. O Fisioterapeuta que trabalha na UTI necessita de uma especialização profissional destinada à assistência do paciente crítico. Isto também virou uma recomendação da Anvisa (RDC -7). O trabalho do fisioterapeuta envolve conhecimento específico, diretamente ligado ao quadro clínico que a doença do paciente apresenta, que envolve aspectos funcionais cardiorrespiratórios e osteomioarticulares. Para tanto, a atuação do fisioterapeuta é fundamental desde o momento crítico da doença como também durante período de estabilização e melhora com intuito de promover a reabilitação precoce e funcional do paciente. Isto se torna fundamental na criança prematura e/ou em idade lactente/, escolar em detrimento do seu pleno desenvolvimento. Buscando atender a essa especificidade da fisioterapia, o curso de Pós-Graduação Lato Sensu de Fisioterapia em Unidade de Terapia Intensiva Neonatal e Pediátrica foi elaborado para capacitar o fisioterapeuta para atuar nessa área através de um programa atualizado e respaldado nas evidências científicas com professores qualificados.

Objetivo:

Objetivo Geral:

  • Capacitar, atualizar e aperfeiçoar fisioterapeutas nos aspectos teóricos e práticos da UTI Neopediátrica

Objetivos Específicos:

  • Rever e aprofundar os conhecimentos anátomo-fisiológicos e fisiopatológicos do sistema cardiorrespiratório, neurológico e osteomioarticular da criança;
  • Promover o conhecimento referente ao diagnóstico clínico, baseado na avaliação e nos exames laboratoriais e de imagem na terapia intensiva;
  • Aperfeiçoar os fundamentos do suporte ventilatório mecânico invasivo e não invasivo, enfatizando a sua aplicabilidade diária;
  • Capacitar o aluno para avaliar, elaborar e implementar programas  fisioterapêuticos desde a biomecânica ventilatória, incluindo a ventilação mecânica, até o desenvolvimento motor e;
  • Desenvolver o senso crítico nas diversas intervenções da fisioterapia na UTI.

Disciplinas:

MORFOGÊNESE E FISIOLOGIA NEONATAL E PEDIÁTRICA.SEMIOLOGIA, AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO NEOPEDIÁTRICA - 35h
  • Ementa: Visa possibilitar a compreensão das bases anatômo-fisiológicas do aparelho cardiorrespiratório e neurológico da criança. Fixação do conceito, função, partes constituintes e a importância dos sistemas cardiovascular e respiratório, interagindo-os de modo que se construa uma habilidade de raciocínio interativo entre os mesmos. Percepção das funções dos sistemas: nervoso central, inclusive autônomo e nervoso periférico, correlacionando-os com os sistemas cardiovascular e respiratório. Diferenciar a fisiologia intra-uterina, neonatal, na criança e no adulto. Permitir a compreensão das bases semiológicas e de monitorização, bem como dos métodos de tratamento fisioterapêutico das principais afecções cardiorrespiratórias, cirúrgicas e não cirúrgicas em neopediatria. Além disso, será abordado a avaliação sobre os aspectos cardiorrespiratórios, neurológicos e osteomioarticulares.
FISIOPATOLOGIA NEONATAL E PEDIÁTRICA IMAGINOLOGIA E EXAMES COMPLEMENTARES EM NEOPEDIATRIA - 35h
  • Ementa: Capacitar do fisioterapeuta para identificação das principais afecções cardiopulmonares e seus respectivos tratamentos na solução dos problemas do recém nascido e da criança grave internados em unidades de terapia intensiva. Apresentar os exames laboratoriais mais frequentes realizados no ambiente da terapia intensiva. Discutir sobre a interpretação dos exames laboratoriais e de imagem. Correlacionar os resultados de exames laboratoriais e de imagem com a condição clínica do paciente em UTI e suas possíveis interferências (positivas e negativas) com a atuação do fisioterapeuta.
OXIGENOTERAPIA E VENTILAÇÃO MECÂNICA NÃO INVASIVA - 35h
  • Ementa: Visa  verificar as indicações e aplicabilidade do suporte de oxigênio e seus efeitos adversos bem como sua administração. Além disso, o módulo irá abordar a ventilação mecânica não invasiva  e sua indicação/aplicabilidade nas diferentes situações clínicas ou como ferramenta da conduta fisioterápica. Neste, será verificado as interfaces, formas de adaptação e os critérios de sucesso ou interrupção do suporte assim como a forma de aplicar versus benefício e tolerância do paciente.
CARACTERISTCAS TÉCNICAS DO VENTILADOR MECÂNICO E VENTILAÇÃO MECÂNICA CONVENCIONAL E AVANÇADOS - 35h
  • Ementa: Este módulo irá abordar as características técnicas do ventilador mecânico como máquina, os princípios da ventilação mecânica (ciclagem, disparo, controle e limites), os módulos ventilatórios básicos e avançados. Serão abordados os parâmetros e sua titulação, monitorização gráfica e manutenção da estratégia.
VENTILAÇÃO MECÂNICA APLICADA A NEOPEDIATRIA E DESMAME VENTILATÓRIO - 35h
  • Ementa: Este módulo irá abordar a aplicabilidade dos módulos ventilatórios avançados e básicos nas principais apresentações clínicas da terapia intensiva como também no desmame. Além disso, também será abordado a indicação e aplicação dos consensos atuais de ventilação mecânica e suas estratégias. Serão estudadas as principais estratégias relacionadas a ventilação mecânica como óxido nítrico, Héliox, ECMO, ventilação de Alta frequência e NAVA.
AVALIAÇÃO NEUROLÓGICA, DESENVOLVIMENTO MOTOR E NEUROINTENSIVISMO - 35h
  • Ementa: Visa possibilitar a compreensão do desenvolvimento sensório-motor normal e alterado para avaliação neurológica no ambiente hospitalar e também preconizando a sua alta. O módulo irá capacitar a identificar, quantificar e qualificar o distúrbio cinético-funcional de órgãos e sistemas, sensíveis à abordagem fisioterapêutica, direta ou sinergicamente - Avaliação do tônus, força muscular, deformidades, amplitude articular e avaliação sensorial.
FISIOTERAPIA APLICADA A CARDIOLOGIA NEOPEDIÁTRICA - 35h
  • Ementa: Visa abordar as principais patologias clínicas e cirúrgicas (cardiopatias congênitas) e tratamento clínico e cirúrgico, Pré, peri e pós operatório de cirurgias cardíacas em crianças e neonatos. Além disso, também será abordado correlação da apresentação clínica e a avaliação fisioterapêutica com suas possíveis interferências (positivas e negativas) com a atuação do fisioterapeuta. Será abordado as complicações pulmonares envolvidas como hipertensão pulmonar. 
FISIOTERAPIA APLICADA  ORTOPÉDICA NEOPEDIÁTRICA/ÓRTESES, NA CRIANÇA ONCOLÓGICA E QUEIMADA - 35h
  • Ementa: Estuda e analisa as disfunções motoras causadas pelas patologias mais frequentes do sistema músculo esquelético e/ou do imobilismo na terapia intensiva e os aspectos da intervenção fisioterapêutica,Irá abordar as principais enfermidades oncológicas/imunodeficiências e suas apresentações clínicas e interfaces de tratamento e intervenção  fisioterapêutica,Será verificado os aspectos da pele e suas alterações em detrimento da queimadura bem como sua avaliação, complicações respiratórias e e interfaces de tratamento e intervenção  fisioterapêutica.
FISIOTERAPIA RESPIRATÓRIA E MOTORA NA UTI NEOPEDIÁTRICA - 35h
  • Ementa: Será abordado todas as técnicas respiratórias e seus mecanismos fisiológicos, indicações, contraindicações e sua aplicabilidade. Além disso também será visto os dispositivos disponíveis para compor o arsenal fisioterapêutico na sua conduta. Além disso, a fisioterapia motora será abordada desde as técnicas manuais até o uso de dispositivos para estimular o desenvolvimento neuromotor.
TÓPICOS ESPECIAIS:  SAÚDE PÚBLICA EM NEOPEDIATRIA, MÉTODO CANGURU. GESTÃO E ROTINAS DE FISIOTERAPIA NA UTI NEOPEDIÁTRICA - 35h
  • Ementa: Este módulo tem como objetivo abordar tópicos especiais e atualidades na terapia intensiva neopediátrica tais como:Humanização e o Método Canguru visando a diminuição do estresse e suas repercussões negativas no desenvolvimento da criança,Saúde pública e o impacto das comorbidades da prematuridade e das crianças com microcefalias e asfíxicos,Gestão e rotinas de fisioterapia na UTI neopediátrica visando confecção de indicadores de qualidade.
METODOLOGIA DA PESQUISA - 35h
  • Ementa: Introdução aos conceitos básicos da metodologia científica.  A ciência e a produção de conhecimento. Os tipos de pesquisa e os instrumentos de coleta de dados. O projeto de pesquisa. Estilo da redação técnico-científica. Fundamentação teórica na construção do texto. Elementos pré-textuais, textuais e pós-textuais. Citações: conceito, características e tipologia.
ORIENTAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO - 35h
  • Ementa: Elaboração, orientação e entrega do Trabalho de Conclusão do Curso - TCC (artigo científico), que envolve o levantamento, a análise e a difusão dos resultados obtidos na pesquisa realizada pelo discente, obedecendo às normas e regulamentos metodológicos. Defesa do respectivo trabalho perante a Banca Avaliadora.
TEMPO DE ESTUDO INDIVIDUAL OU EM GRUPO - 70h
  • Ementa: Estudo individual ou em grupo, visando o aperfeiçoamento de questões teórico metodológicas relacionadas ao currículo

Pré-requisitos:

Portadores de Diplomas de Graduação em Fisioterapia.

Público Alvo:

Portadores de Diplomas de Graduação em Fisioterapia.


COORDENADOR

Danielle Fortuna de Almeida

Danielle Fortuna de Almeida

Mestre em ensino em ciências da saúde pela UNIPLI/Anhanguera. Especialista em Fisioterapia Neonatal e pediátrica pelo IFF/FIOCRUZ. Possui graduação em Fisioterapia pela Universidade Gama Filho (1999). Atualmente é professora convidada da Faculdade Redentor e do Centro de Treinamento Interfisio, fisioterapeuta - Maternidade Leila Diniz e Hospital Rios D'or. Tem experiência na área de Fisioterapia e Terapia Ocupacional, com ênfase em Fisioterapial, atuando principalmente nos seguintes temas: Reabilitação pneumo-funcional e motora, pediatria, neonatologia e na área de ensino.