Entidades acreditam que FIES precisa de nota mínima para alunos

Continua muito discutido a realização do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), entidades relacionadas à Educação defendem nota mínima para obter empréstimo. A medida foi estipulada no final do ano passado, na gestão do ex-ministro da Educação, Henrique Paim, e causou polêmica principalmente no setor privado de ensino superior.
Entidades acreditam que FIES precisa de nota mínima para alunos

30

A nova regra estipula que é preciso tirar 450 pontos na média das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além de não zerar na redação. A regra também é válida para obter bolsas de estudo em instituições privadas pelo Programa Universidade para Todos (ProUni). As instituições acreditam que isso reduzirá os contratos em pelo menos 20%.
As mudanças não refletem numa menor destinação de recursos, o que prova, segundo Cara,que a intenção não é acabar com o Fies. 
O Registro do governo é de que o programa deu um salto nos contratos desde que foi reformulado, em 2010. Como a carência é de 18 meses, ainda não foi consolidada uma taxa de inadimplência. 
Mesmo assim estima-se que a taxa de inadimplência no Fies pode chegar a 27%, em 2017.

icone do twitter