Sambódromos tem postos para atender foliões

De acordo com balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde indica que no segundo dia de desfiles das escolas de samba da Série A, 316 pessoas foram atendidas por médicos dos nove postos de Saúde instalados no Sambódromo e no Terreirão do Samba.
Sambódromos tem postos para atender foliões

17


Entre os atendidos, há um total de 12 pacientes tiveram que ser transferidos para unidades de urgência e emergência da rede municipal. 
Já nos dois primeiros dias de desfiles, na Passarela do Samba, 565 pessoas foram atendidas e 18 transferidas para unidades de urgência e emergência da prefeitura do Rio, a maioria por hipertensão e excesso de consumo de bebida alcoólica.

icone do twitter