facebook pixel code

Especialização em Psicologia Clínica: Gestalt-terapia

Pós-Graduação Carga Horária: 536 h Modalidade: Presencial

Área de Conhecimento: Humanidades e Ciências Sociais

Apresentação:

Objetivo:

  • Capacitar psicólogos para o atendimento psicológico embasado no referencial da Gestalt-Terapia.
  • Favorecer a entrada no mercado de trabalho, preparando os profissionais para fazer frente às necessidades da sociedade contemporânea em relação ao

trabalho do psicólogo.

Disciplinas:

INTRODUÇÃO À GESTALT-TERAPIA

  • História da gestalt-terapia no mundo e no brasil, bem como suas características no que concerne à relação terapêutica e o processo terapêutico.
  • Postura gestáltica na prática clínica.
  • CONCEITOS FUNDAMENTAIS I
  • Características da gestalt-terapia no que concerne à relação terapêutica, seus conceitos básicos e o processo terapêutico.
  • Postura gestáltica na prática clínica.
  • Conceitos fundamentais da gestaltterapia.
  • Self, awareness, contato, ciclo do contato, fronteiras de contato, funções de contato.


CONCEITOS FUNDAMENTAIS I

  • Características da gestalt-terapia no que concerne à relação terapêutica, seus conceitos básicos e o processo terapêutico.
  • Postura gestáltica na prática clínica.
  • Conceitos fundamentais da gestaltterapia.
  • Self, awareness, contato, ciclo do contato, fronteiras de contato, funções de contato.


CONCEITOS FUNDAMENTAIS II

  • Características da gestalt-terapia no que concerne à relação terapêutica, seus conceitos básicos e o processo terapêutico. Postura gestáltica na prática clínica.
  • Conceitos fundamentais da gestaltterapia.
  • Ajustamento criativo, polaridades, teoria paradoxal da mudança, conceito de boa forma, experimento, autorregulação, temporalidade: aqui e agora.


ÉTICA E PRÁTICA PROFISSIONAL I

  • Aprofundamento teórico-vivencial da ética e da prática clínica.
  • Desenvolvimento pessoal e profissional do psicólogo.
  • Sondagem das expectativas quanto ao início dos atendimentos clínicos.
  • Emprego de técnicas experimentais.
  • Consciência corporal.
  • Orientação, esclarecimento e cuidado com as relações interpessoais. Potencialização das habilidades inerentes à clínica gestáltica.


ÉTICA E PRÁTICA PROFISSIONAL II

  • Aprofundamento teórico-vivencial da ética e da prática clínica.
  • Desenvolvimento pessoal e profissional do psicólogo.
  • Construção da identidade do gestalt-terapeuta.
  • Emprego de técnicas experimentais.
  • Consciência corporal.
  • Trabalho com sonhos.
  • Orientação, esclarecimento e cuidado com as relações interpessoais.
  • Potencialização das habilidades inerentes à clínica gestáltica.

 

ÉTICA E PRÁTICA PROFISSIONAL III

  • Aprofundamento teórico-vivencial da ética e da prática clínica.
  • Desenvolvimento pessoal e profissional do psicólogo.
  • Construção da identidade do gestalt-terapeuta.
  • Prática clínica no atendimento individual.
  • Emprego de técnicas experimentais.
  • Uso do genograma como recurso no atendimento psicológico.
  • Orientação, o esclarecimento e cuidado com as relações interpessoais.
  • Potencialização das habilidades inerentes à clínica gestáltica.


ARTICULAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA CLÍNICA I

  • Articulação dos conceitos teóricos do referencial gestáltico.
  • Instrumentalização para o atendimento de primeiras entrevistas e clientes individuais.
  • Orientação e esclarecimento do contrato de psicoterapia.
  • Orientação para a produção de relatórios de primeiras entrevistas e de atendimentos Individuais.
  • Apresentação e discussão de casos clínicos. Inserção no mercado de trabalho.  


ARTICULAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA CLÍNICA II

  • Articulação dos conceitos teóricos do referencial gestáltico.
  • Aprofundamento da instrumentalização para o atendimento de primeiras entrevistas e para os atendimentos individuais.
  • Orientação e esclarecimento do contrato de psicoterapia e das primeiras consultas de atendimento psicológico.
  • Produção de relatórios de primeiras entrevistas e de atendimentos individuais.
  • Apresentação e discussão de casos clínicos. Inserção no mercado de trabalho.

 

ARTICULAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA CLÍNICA III

  • Articulação dos conceitos teóricos do referencial gestáltico.
  • Aprofundamento da instrumentalização para o atendimento de primeiras entrevistas e para os atendimentos individuais.
  • Produção de relatórios de primeiras entrevistas e de atendimentos individuais.
  • Apresentação e discussão de casos clínicos.
  • Inserção no mercado de trabalho.


ARTICULAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA CLÍNICA IV

  • Articulação dos conceitos teóricos do referencial gestáltico.
  • Aprofundamento da instrumentalização para o atendimento de primeiras entrevistas.
  • Instrumentação para o momento de encerramento do atendimento psicológico.
  • Instrumentalização para o processo de alta dos atendimentos psicológicos.
  • Produção de relatórios de primeiras entrevistas e de encerramento dos atendimentos individuais.
  • Apresentação e discussão de casos clínicos. Inserção no mercado de trabalho.

 

ESTÁGIO I

  • Conhecimento teórico-prático da gestalt-terapia.
  • Vivencia do processo de recepção e avaliação dos pacientes para definição dos encaminhamentos.
  • Delineamento dos diversos quadros psicopatológicos.
  • Desenvolvimento do raciocínio clínico.


ESTÁGIO II

  • Conhecimento teórico-prático da gestalt-terapia.
  • Vivência da prática de atendimentos de primeiras entrevistas e individuais fundamentada pela orientação teórica gestáltica.
  • Aplicação e ampliação dos conhecimentos adquiridos durante o curso

 

ESTÁGIO III

  • Conhecimento teórico-prático da gestalt-terapia.
  • Vivência da prática de atendimentos de primeiras entrevistas e individuais fundamentada pela orientação teórica gestáltica.
  • Aplicação e ampliação dos conhecimentos adquiridos durante a formação.

 

METODOLOGIA DA PESQUISA

  • Metodologia da pesquisa em psicologia clínica.
  • Projeto de trabalho de conclusão de curso.
  • Produção de artigo científico.

 

PSICOPATOLOGIA E PERSPECTIVA DIAGNÓSITCA FENOMENÓLOGICA

  • As noções de saúde e doença a partir do referencial da gestalt-terapia e das possibilidades de intervenção psicológica.
  • Reconhecimento e diagnóstico de casos clínicos diversos.


INFLUÊNCIAS FILOSÓFICAS E EPISTEMOLÓGICAS NA GESTALT-TERAPIA I

  • Influências filosóficas e epistemológicas presentes na gestalt-terapia.
  • Origens da gestalt-terapia e suas influências teóricas.
  • Existencialismo, fenomenologia, método fenomenólogico, relação dialógica, filosofias orientais.
  • Gestalt-terapia e perspectivas científicas atuais.

 

INFLUÊNCIAS FILOSÓFICAS E EPISTEMOLÓGICAS NA GESTALT-TERAPIA II

  • Influências filosóficas e epistemológicas presentes na gestalt-terapia.
  • Origens da gestalt-terapia e suas influências teóricas.
  • Humanismo, psicologia da gestalt, teoria de campo, teoria organísmica.

 

FAMÍLIA E CONTEMPORANEIDADE I

  • A rede conceitual e técnica dos alunos.
  • A rede conceitual sobre os momentos da vida das famílias.
  • A importância da estrutura familiar no processo de subjetivação humana.
  • A compreensão sobre a dinâmica das relações familiares no momento histórico atual.
  • As noções de desenvolvimento infanto-juvenil e questões relativas à gênero.
  • Diferentes formas de arranjos afetivos.
  • Relacionamentos homoafetivos.
  • Os contextos específicos da realidade familiar contemporânea e suas implicações no atendimento Psicológico.
  • A ampliação da rede conceitual

 

FAMÍLIA E CONTEMPORANEIDADE II

  • Os momentos e impasses da vida familiar, as mentiras e segredos em família, a drogadição.
  • Os ciúmes e as traições, os impasses na sexualidade, a violência, os sintomas psicóticos, as perdas, o luto, os efeitos de todos esses eventos e sintomas nas famílias que buscam terapia.
  • Os contextos específicos da realidade familiar contemporânea e suas implicações no atendimento psicológico.
  • A ampliação da rede conceitual.

 

ÉTICA E PRÁTICA PROFISSIONAL IV

  • Aprofundamento teórico-vivencial da ética e da prática clínica.
  • Desenvolvimento pessoal e profissional do psicólogo. A dinâmica do trabalho clínico.
  • Atenção ao momento de encerramento.
  • Luto, despedida, separação.
  • Promoção de competências voltadas para o trabalho clínico.
  • Reconhecimento das competências, potencialidades e dificuldades encontradas durante o curso, até seu término.

 

INTERVENÇÕES CLÍNICAS NA PRÁTICA GESTÁLTICA I

  • Funcionamento das atividades práticas no IGT.
  • Articulação do conhecimento teórico adquirido na prática clínica.
  • Importância da primeira entrevista no processo terapêutico.
  • Pontos importantes e subsídios para o início das primeiras entrevistas no IGT e na clínica particular do aluno.
  • Articulação do conhecimento teórico com a prática clínica dos alunos.
  • Discussão de casos clínicos.
  • Inserção no mercado de trabalho.

 

TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

  • Trabalho de conclusão de curso, versando sobre o modelo de pensamento e de prática clínica na gestalt-terapia.
  • Formalização do conhecimento adquirido ao longo da especialização e ampliação do caráter científico.
  • Desenvolvimento da habilidade de sistematizar o conhecimento adquirido em forma escrita.
  • Troca de ideias e conceitos.
  •  Estimulação do aprofundamento do tema.

Pré-requisitos:

Graduação em Psicologia

Público Alvo:

Psicólogos


COORDENADOR

PROFESSOR